WEB-SÉRIE - Jornada do Pensamento - Episódios

 

 

Jornada do Pensamento – Episódio I – Preguicite Aguda


  PREGUICITE AGUDA - SINOPSE

Joca é um garoto cheio de vontades, mas, num belo dia, acorda muito diferente. O “ fazer nada” passa a tomar conta do menino e causa uma reação muito estranha em sua cabeça, o que deixa seus colegas assustados. Como será que Joca conseguirá voltar a ser o menino esperto que sempre fora?

CAMINHOS REFLEXIVOS

Um dos apontamentos mais interessantes trazidos pela história é, sem dúvida, o valor do fazer. Vivemos na efervescência da chamada era digital, quando dispositivos eletrônicos têm tomado cada vez mais o nosso espaço de ação, o que gera novas perspectivas, nem sempre potentes, da nossa interferência no mundo. Na infância, a importância do brincar, do realizar e, mais ainda, do querer, tem voltado com grande foco às reflexões pedagógicas, o que traz à cena a construção da autonomia a partir da vontade, centro motor da vida humana. Por isso, ao tratar da vontade ou da falta dela, por meio da narrativa de Preguicite Aguda, procuramos cultivar, de maneira lúdica e bem-humorada, o gosto pelo fazer!

Indicação de faixa etária: crianças de 5 a 8 anos. 

  

  

 

 Jornada do Pensamento – Episódio 2 – Novelo de Abraço

 EPISÓDIO 2 - NOVELO DE ABRAÇO

Depois de perder seu balão em uma de suas andanças por um bosque, o menino Paulinho conhece uma amiga um tanto diferente. De início, Ana parece muito arisca, mas um sentimento comum vai fazer os dois personagens construírem uma bela amizade. Afinal, fica muito mais fácil aprender, junto, a desenrolar os problemas!

CAMINHOS REFLEXIVOS

Novelo de Abraço é uma história que trata do encontro entre dois seres diferentes, que se aproximam diante de uma adversidade. Um garoto se entristece com a perda de um brinquedo, mas é levado a repensar essa circunstância ao conhecer Ana, uma solitária lagarta que não pode ser abraçada. Valores como a empatia, a compreensão do outro e, principalmente, o poder da união são tratados de maneira sutil e graciosa.

A história é contada por meio da ressignificação de objetos simples, estimulando a imaginação do aluno ao contato com a narrativa.

Indicação de faixa etária: crianças de 3 a 8 anos.